x

MENU

O Movimento Estratégico do Coritiba Foot Ball Club

Clube propõe movimento de desenvolvimento do Planejamento Estratégico vinculado ao seu estatuto

Diante da análise de cenários, suas causas e efeitos ao longo de diferentes gestões, um grupo formado por conselheiros e profissionais do clube identificou ser salutar uma alteração na proposta de plano de gestão do Coritiba. Dessa maneira, apontou-se a necessidade de um plano estratégico identificando os pilares estratégicos para o clube a longo prazo, sem a ligação direta com o Conselho Administrativo do clube.

Os projetos apresentados anteriormente em teoria sempre foram interessantes e muitas vezes chamaram a atenção da torcida. Mas essa fórmula já vem se apresentando ineficiente há bastante tempo, como é possível observar na prática as suas implementações. O motivo é que são apresentados planos de gestão e não planos estratégicos para o Clube, com visão de longo prazo.

Perante a isso, esse grupo composto por conselheiros e profissionais do Clube foi montado em setembro de 2019 e começou a trabalhar nessa inciativa. De forma apolítica foram realizadas mais de 20 reuniões com grupos de conselheiros, torcedores e influencers, com o intuito de demostrar uma metodologia e, por meio dela, estabelecer a importância de uma estratégia para os próximos 10 anos, com uma Visão, traduzida em Intenção Estratégica.

O propósito dessa inciativa é que haja, por meio dessa metodologia, a unificação da Visão do Coritiba que todos desejam. Com objetivos de longo prazo colocados à mesa para discussão e execução, conforme as mais modernas práticas de gestão administrativa e econômica.

Estabelecer diretrizes, pilares e processos firmes, com o foco principal na execução, amparados por ciência de dados com inovação é o que norteará o clube para o futuro. Além disso, a intenção de ter um Planejamento Estratégico vinculado ao Estatuto está alicerçado na palavra continuidade. “Quando se altera o G5, altera todo o quadro de vice-presidentes que respondem pelas principais pastas do clube. É preciso criar um Planejamento Estratégico unificado com processos firmes e modernos para que as práticas de gestão não sejam interrompidas, independentemente de quem esteja à frente do clube”, resume o grupo que entabula as reuniões de desenvolvimento desta prática.

De forma alguma, o objetivo dessa iniciativa é de montar uma união política, apesar de que isso possa ser uma consequência de um bom trabalho, mas sim de criar um consenso entre os pilares estratégicos para o futuro do Coritiba. O Clube pode conquistar resultados esportivos no curto prazo, traduzidos em crescimento, mas somente a soma de suas ações estratégicas alinhadas à visão de longo prazo (Intenção Estratégica), com projetos e execuções extremamente definidas é que trarão o desenvolvimento necessário para Clube.

A metodologia apresentada em todas as reuniões foi a mesma e o objetivo principal é de se criar um Planejamento Estratégico de consenso, feito por coritibanos para os coritibanos nas mais diversas alas possíveis para que seja traduzido em “continuidade” para o desenvolvimento do Coritiba Foot Ball Club.

Metodologia Apresentada:



Grupo de estudos do Planejamento Estratégico do Coritiba Foot Ball Club.